quinta-feira, janeiro 24, 2008

Carnaval e religião


Fiquei sabendo que a escola de samba Beija Flor de Nilópolis vai levar pra avenida um enredo falando de Miséria e Violência e no carro alegórico haverá uma encenação de uma troca de tiros entre Jesus Cristo e o Diabo no qual um menino de rua sairia ferido com uma bala perdida.
A igreja já se manifestou e pretende proibir o tal carro. Me parece que no ano passado aconteceu a mesma coisa, mas com a imagem do Cristo Redentor vestido de mendigo e a imagem foi coberta.
Nesta época os valores religiosos ficam a flor da pele, mas mulheres nuas, dança do “Creu, creu, creu... Entre outras” estão fervilhando por aí, além de bundas e mais bundas, seios de fora (que beleza!) isso pode! Porque agora? Ora, carnaval é isso mesmo. Quem gosta de carnaval faz o que quer, se expressa do jeito que quer. Particularmente não gosto, nem assisto aos desfiles e, isso é a melhor democracia.
Carnaval é uma festa pagã e não dá pra ficar misturando as coisas assim. É preciso respeito com a religião? Sim. Mas o que é mais sério no carnaval é o turismo sexual, tanto que há distribuição de camisinhas pelas ruas e nos desfiles. Isso sim é sério e deve ser combatido (turismo sexual), mas é encarado com pura normalidade.
E os desfiles de escolas de samba são cada vez mais responsáveis por isso. As mulheres cada vez mais sem roupa e os camarotes cada vez mais cheios de gringos pensando que as mulheres brasileiras são meros "produtos". É claro que toda a regra há exceção.
Quem não gosta, vai dar uma volta na praia, cinema, teatro ou até mesmo na igreja, retiro ou coisa assim. Vou aproveitar estes dias para ir ao cinema, vídeos, talvez da um mergulho no mar, e se ficar em casa vou ouvir um bom cd de rock ou uma boa MPB. Poderei até mesmo ir à igreja. Mas cada um na sua, sem repressão.

segunda-feira, janeiro 07, 2008

Fotos extras... Últimos dias.

Galera! Achei algumas fotos e resolvi postá-las. Um grande abraço a todo(a)s!

Sim sim, esta é a professora Sueli vendo alguma apresentação. Mas reparem! Isso não aconteceu, é uma previsão, pois isso acontecerá, no dia nove de maio de 2016. (rsrsrs)


Caramba! Te pegaram em Denise. Juro que não fui eu! Isso aconteceu durante uma apresentação de TCC. Ih! Foi na minha apresentação...


Ó o Claudio acompanhando a Denise.


hehehe...


Hi Dani!


Jack...


hehehe...


Oi...

Marina...


Dani: "Não tira."


Adriana - Pinacoteca


Meninas - Pinacoteca

Me, myself and I

Marcia...

domingo, janeiro 06, 2008

Filme "Em Paris"

Domingo à tarde, cidade de São Paulo ainda vazia devido ao feriado, (onde muitos ainda não subiram a Serra) ir ao cinema é um programão. Bom, gostaria de falar sobre o filme "Bussola de Ouro", que é fantástico, mas prefiro comentar o filme que ví hoje (06), "Em Paris".
O local era bem propício: Av. Paulista, na reserva cultural, no prédio da Gazeta. O público então... "Classe A" pelas vestes, pelas conversas e principalmente pelo preço.
Bom, a sinopse é esta: o filme acompanha a vida de dois irmãos ao longo de um dia. Paul (Romain Duris) está sofrendo pela perda de um intenso amor e mergulha em grande depressão. Ele muda-se para a casa de seu pai, onde também vive seu irmão mais novo, Jonathan (Louis Garrel), que tem uma existência aparentemente despreocupada com seus vários casos amorosos.
Confesso que prefiro assistir aos filmes americanos, efeitos especiais, naves, animais que falam, tiros, perseguições, explosões, etc. E, "Em Paris" não tem nada disso. É um típico filme europeu. É parado, mas podemos perceber o comportamento do dia a dia de pessoas comuns, de uma realidade mais próxima da nossa.
Agora uma curiosidade é que realmente (pelo filme) os franceses são porcos, não gostam de tomar banho mesmo!

quinta-feira, janeiro 03, 2008

Enfim... 2008!

Há 3 dias mudamos a folhinha da parede, recomeçamos o ano, mas é bom lembrar que a vida não parou ou recomeçou só continuamos e às vezes nos esquecemos de continuar abrir uma porta. Como diz uma amiga: "abra uma janela, sinta o sol veja o vento (É É isso mesmo) continue... "
Seja Feliz