sexta-feira, outubro 24, 2008

Os objetos, o leite, as galinhas... E a política pública?

Tornou-se algo comum, tanto nos governos de esquerda ou de direita (se é que isso ainda existe) as políticas públicas, em relação à transferência de verbas para a população carente. Benefícios do tipo Bolsa Família é o carro chefe de muitos políticos, e, ai daquele que discordar!

Dinheiro fácil ajuda a todos, principalmente a classe política que se beneficia com a tal ajuda, em termos de votos. A população bem... Ganha lá seus míseros trocados para sobreviverem mais uma semana, e olha lá!

O interessante é que estas “transferências” agora estão sendo distribuídas em “espécie”, através objetos, como uniformes escolares, cadernos, mochilas, leite em pó, ou qualquer outro utensílio qualquer, onde a população pode deixar ser enganada para usufruir o tal produto, pois o importante é “ganhar”, não importa o quê, desde que seja de graça.

Todos querem ganhar algo, o governo que não dá nada, não presta. Não importa o que seja, pode ser um caneta, uma camiseta que eles chamam de uniformes, uma mochila escolar que é mais usada pelos motoboys nas ruas, e por aí vai.

Em uma breve pesquisa na Internet descobri que a prefeitura de Piripiri, no interior do Piauí, distribuiu recentemente escovas de dente; a prefeitura de Embu, camisinhas; a prefeitura do Rio de Janeiro tem o costume de distribuir repelentes; a prefeitura de Ponta Grossa, 80 mil mudas de plantas; em Nilópolis no Rio de Janeiro, foram distribuídos kits de material escolar; no Rio das Ostras, no interior do Rio, foram distribuidos vários cds do programa Linux. Em Brasília, foram distribuídos a população filtros de barro e na prefeitura de Xapuri no estado do Acre, foram distribuídos peixes frescos à população.

Mas o caso mais curioso é o da prefeitura de Piripiri no Piauí. Lá a prefeitura distribuiu recentemente várias galinhas, cabras e bodes para a população. Lá, cada família teve direito a 10 aves (galinhas), um bode e duas ovelhas.

Pois é... Quem ganha de verdade, é quem recebe ou quem dá? O interessante é que em todas as eleições, surge alguém que promete que var dar ainda mais... Por que será?

Um comentário:

  1. Olá!
    Desculpa a invasão, tou divulgando meu blog, dá uma passadinha lá!
    Linkei você em meus favoritos.
    Abraço!
    Parabéns pelo blog...andando por aí a gente vê tanta coisa boa e talentosa, que até assusta...E isso é muito bom!
    Abraço.

    ResponderExcluir