domingo, março 14, 2010

Um sábado: O amor acontece

Este sábado foi realmente longo, porém muito rico em acontecimentos. A começar com a aula do Marinho, na pós em Estudos linguisticos e literários. Foram duas coisas marcantes, a primeira sobre a poesia "Haikai" já tinha ouvido falar, mas nunca soube defini-la. Na sala uma aranha apareceu para assustar as meninas. Então saiu como improviso um Haikai:

Teia
A mão tateia
Um susto! A caminhar:
uma aranha sem teia

Em seguida as meninas apresentam um trabalho sobre verbetes (confesso que sempre pensei que fosse uma coisa bem chata), mas pelo contrário, sem perceber os verbetes estão em nosso dia a dia, basta vermos os recentes livros, como os almanaques ou mesmo o guia de discos, etc.

À tarde, na aula de literatura africana, teve uma palestra bem interessante com o professor e jornalista Daniel Medina, que contou um pouco da história de Cabo Verde, sua cultura, literatura etc.
Depois uma pausa para uma loira bem gelada, né (ninguém é de ferro).

À noite, ainda tinha mais surpresas, assisti ao filme "Amor Acontece" (Love Happens) e realmente é um filme bem legal, Sabe aqueles filmes que passam uma mensagem e quando acaba da vontade de sentar em algum lugar só para comentá-lo? Pois é. O Amor acontece é um desses filmes. Tem uma mensagem, apesar de ser clichê, previsível. Mas é bonito. E, por coincidência, o filme aborda um tema que vi em sala de aula: os verbetes.

Taí o trailler para dar uma checada. Êta sábado intenso...

Nenhum comentário:

Postar um comentário